Pular para o conteúdo
Voltar

Pró-família chega ao 55° município durante Caravana da Transformação

O programa Pró-família prevê ações de transferência de renda com condicionalidades
Katiana Pereira | Setas-MT

Jana Pessôa/Setas-MT
A | A

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Trabalho e Assistência Social (Setas-MT), chega ao 55° município assistido pelo programa Pró-família durante a décima edição da Caravana da Transformação. 

O circuito de entrega aos municípios da região Sudoeste inicia na terça-feira (17.10) às 9h, em  Nova Maringá, onde 42 famílias serão atendidas pelo programa. Depois a comitiva segue para Campos de Júlio, às 16h, com 30 famílias receberão os cartões;  as entregas do dia encerram em Sapezal, às 19h, para a entrega de 92 cartões.

Na quarta-feira (18.10), o primeiro município a receber a comitiva liderada pelo governador Pedro Taques é Santo Afonso. O evento inicia às 8h e 18 famílias serão beneficiadas. A segunda agenda é em Nova Marilândia, às 10h, para a entrega de 49 cartões Pró-família. Em Arenápolis o evento começa às 12h, quando 97 famílias serão beneficiadas.

No período vespertino, a comitiva segue para Nortelândia, às 16h, para a entrega de 48 cartões. A última entrega do dia será realizada às 19h, em Alto Paraguai, onde 76 famílias irão receber o cartão Pró-família, que garante um crédito de R$100 para ser gasto exclusivamente em alimentação.

Na quinta-feira (19.10), a agenda inicia às 8h, em Diamantino, para a entrega de 100 cartões. Em seguida, às 11h30, 209 famílias de Barra do Bugres serão beneficiadas. Já em Porto Estrela, às 15h, 62 cartões serão entregues. A última entrega do dia acontece em Nova Olímpia, às 19h, para distribuição de 110 cartões.

As entregas do cartão Pró-família finalizam em Tangará da Serra, cidade sede da Caravana da Transformação. A secretária da Setas, Mônica Camolezi, fará a entrega para 267 famílias de Tangará que foram inclusas no programa.

Com essas entregas, o Governo do Estado atinge a marca de 6.120 famílias beneficiadas com o cartão Pró-família. Somente na Região Sudoeste, mais de 1,4 mil famílias serão atendidas pelo programa, que, além da transferência de renda de R$100, garante o apoio multidisciplinar e preferência nos cursos de qualificação e vagas de emprego.

Repasses

O repasse mensal do cartão Pró-família para os municípios atualmente é de R$735 mil, entre a transferência de renda para as famílias e equipe de apoio. Os assistentes sociais recebem um cartão com crédito de R$ 300. Para os agentes comunitários de saúde a ajuda de custo é de R$100. Atualmente, a rede de apoio é formada por 992 agentes comunitários e 82 assistentes sociais.

As famílias beneficiadas e equipe técnica podem fazer as compras em mercados em todo o Estado que estão aptos para receberem o cartão alimentação do programa Pró-Família. A rede credenciada está distribuída nos 140 municípios que aderiram ao programa Setas. Confira aqui a lista de estabelecimentos.

Municípios atendidos pelo Pró-família: (quantidade de famílias)

Acorizal                - 132, Alta Floresta- 267, Alto Garças- 79, Alto Paraguai- 76, Alto Taquari- 37, Apiacás -30, Araguaiana – 27, Araguainha – 16, Arenápolis – 97, Aripuanã – 135, Barra Do Bugres – 209, Barra Do Garças – 393, Brasnorte – 119, Cáceres – 341, Campos De Júlio – 30, Carlinda – 87, Castanheira – 55, Colniza – 274, Cotriguaçu -90, Denise – 67, Diamantino -100, Dom Aquino – 97, General Carneiro – 51, Jaciara – 158, Jangada- 115, Juara - 138, Juína – 80, Juruena – 63, Juscimeira- 126, Nortelândia – 49, Nova Bandeirantes – 72, Nova Brasilândia- 71, Nova Canaã – 40, Nova Guarita – 34, Nova Marilândia- 39, Nova Maringá -26, Nova Monte Verde – 47, Nova Olímpia- 110, Novo Horizonte Do Norte        - 20, Novo São Joaquim- 112, Poconé- 395, Pontal Do Araguaia – 44, Ponte Branca- 13, Porto Dos Gaúchos- 20, Porto Estrela – 62, Primavera Do Leste – 334, Ribeirãozinho – 28, Rosário Oeste Rural - 103, Rosário Oeste Urbano- 109, Santo Afonso- 18, São Pedro Da Cipa-39, Sapezal- 92, Tabaporã- 36, Tangara Da Serra- 263, Torixoréu – 24 e Várzea Grande- 431.

Pro-família

O programa Pró-família prevê ações de transferência de renda com condicionalidades, articulada com outras secretarias estaduais e instituições não governamentais, para que de forma integrada viabilizem o desenvolvimento social de famílias, com vistas à  superação das vulnerabilidades e redução das desigualdades. Saiba mais aqui