Pular para o conteúdo
Voltar

Pró-Família beneficia 491 famílias da Baixada Cuiabana

Os profissionais que integram a rede de proteção como agentes comunitários de saúde e assistentes sociais dos três municípios receberam 66 cartões como um auxílio na renda salarial da equipe técnica
Assessoria | Setas-MT

Jana Pessôa/Setas-MT
A | A

Neste sábado (02.12), 491 famílias em situação de vulnerabilidade social dos municípios de Barão de Melgaço, Nossa Senhora do Livramento e Santo Antônio de Leverger foram beneficiadas com as entregas dos cartões Pró-Família. As entregas foram realizadas pelo Governo de Estado por meio da Secretaria de Trabalho e Assistência Social (Setas).

Durante as entregas, realizadas pela secretária de Trabalho e Assistência Social, Monica Camolezi, cada família recebeu um cartão com um crédito no valor de R$ 100 como complemento de renda na manutenção alimentar. O valor não pode ser empregado na compra de bebidas nem tabaco, apenas em gêneros alimentícios credenciados pelo Estado.

A família da dona de casa Greice Aparecida dos Santos, de Barão de Melgaço, foi uma das contempladas com o cartão alimentação. Greice, que tem 35 anos é casada e tem três filhos, comemorou sua inclusão no programa social. “Este benefício veio no momento certo. Meu marido está desempregado e com este valor vou poder garantir a alimentação da família”.

Os profissionais que integram a rede de proteção como agentes comunitários de saúde e assistentes sociais dos três municípios receberam 66 cartões como um auxílio na renda salarial da equipe técnica. O valor repassado é de R$ 100 para agentes comunitários e R$ 300 para assistentes sociais.

O agente Comunitário de Saúde do município de Nossa Senhora do Livramento (37 km de Cuiabá), Nildo de Almeida, ressalta a importância deste auxílio para os agentes de saúde e assistentes sociais. “Nós realizamos um trabalho intersetorial com os assistentes sociais no acompanhamento e monitoramento das famílias e com o auxílio mensal vamos melhorar os atendimentos”.

A secretária de Estado de Trabalho e Assistência Social, Monica Camolezi, participou das entregas e explicou o funcionamento e objetivo do programa nos municípios. “O Estado precisa dar uma ajuda aos municípios neste momento de dificuldade. Por isso o governador criou o programa Pró-Família que auxilia as famílias com R$ 100 por 12 meses e, após esse período de acompanhamento, qualificará as famílias com cursos de capacitação que serão aplicados no próximo ano. Temos o cuidado também de informar às famílias como utilizar o cartão, investindo em alimentos saudáveis, como frutas e verduras", destacou. 

O prefeito do município de Barão de Melgaço (109 km de Cuiabá), Elvio de Souza Queiroz, reforçou a fala da secretária em questão das capacitações. “Somente no nosso município 167 famílias foram beneficiadas. Fico feliz, mas sabemos que temos que fazer a nossa parte. Ressalto que todos contemplados precisam fazer os cursos para sair do programa com uma renda melhor”, disse o prefeito, que ainda destacou que o investimento irá fomentar a renda dos municípios.

O programa Pró-família prevê ações de transferência de renda com condicionalidades, articulada com outras secretarias estaduais e instituições não governamentais, para que de forma integrada viabilizem o desenvolvimento social de famílias, com vistas à superação das vulnerabilidades e redução das desigualdades. A rede credenciada está distribuída nos 140 municípios que aderiram ao programa da Setas.