IDIOMA

 
 
 

SOCIAL

 
 
 
 
 
 

Ultimas Notícias

Quarta, 06 de março de 2002, 15h57 | Tamanho do texto: A- A+

Lançado plano de prevenção à violência em MT

Angela Jordão

Lançado plano de prevenção à violência em MT

O objetivo do plano é o combate ás causas primárias da violência, atendendo prioritariamente crianças e jovens

Angela Jordão

Lançamento do Piaps
Lenine Martins/Secom-MT

O Plano de Integração e Acompanhamento de Programas Sociais de Prevenção da Violência – PIAPS foi lançado hoje (06) em Cuiabá. Coordenado pelo Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, o PIAPS representa o novo paradigma da política nacional de segurança pública: a prevenção. O objetivo do plano é o combate ás causas primárias da violência, atendendo prioritariamente crianças e jovens na faixa etária de 0 a 24 anos e suas famílias.

O PIAPS é desenvolvido em ação conjunta de 13 ministérios e com recursos financeiros de 49 programas federais do programa Avança Brasil, em parceria com os governos estaduais e prefeituras municipais. O plano dá ênfase ao esporte, educação, saúde e infra-estrutura.

A solenidade de lançamento do PIAPS contou com a presença do governador Dante de Oliveira e o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, general Alberto Mendes Cardoso, além do coordenador do PIAPS, general José Alberto Cunha Couto. Também estavam presentes os prefeitos dos municípios mato-grossenses que irão integrar o programa e representantes dos órgãos públicos e das entidades que participarão do PIAPS.

Além de Cuiabá, serão contemplados com as ações do PIAPS em Mato Grosso os municípios de Várzea Grande, Chapada dos Guimarães, Nossa Senhora do Livramento, Santo Antônio do Leverger e Jangada. Em cada um dos seis municípios, foram indicadas áreas prioritárias de atuação onde será concentrado o foco de atuação do plano.

O cronograma de atuação do PIAPS para este ano prevê a manutenção das quatro regiões atendidas no ano passado (Rio de Janeiro, São Paulo, Vitória e Recife) e a inclusão de mais quatro regiões: Distrito Federal e Entorno, Fortaleza, Curitiba e Grande Cuiabá.

“O PIAPS é um compromisso de amor ao povo, representado pelo seu futuro, que são nossos jovens e crianças. O plano atua enfrentando a raiz do problema, o desamor e o abandono de nossos jovens. A ênfase é a educação no seu sentido mais amplo, ou seja, não só o formalismo das escolas, mas também na preparação das pessoas no aspecto moral e ético, para com isso instrumentalizar as pessoas para se defenderem da violência e não entrarem nos primeiros desvios que levam à violência”, explicou o ministro Alberto Mendes Cardoso.

O ministro disse ainda que o Governo Federal tem uma grande expectativa de êxito na integração dos programas de políticas sociais. Somente em 2001, quando foi implantado, o PIAPS atendeu 79 municípios de quatro regiões metropolitanas - Rio de Janeiro, São Paulo, Vitória e Recife – com uma série de ações sociais preventivas, beneficiando cerca de 34 milhões de pessoas. “A integração em nível federal, estadual e municipal, e também da parte organizada da sociedade, como organizações não-governamentais (ONGs) e o setor privado é o melhor caminho. Não há outra forma de enfrentarmos os indutores de violência senão a prevenção primária”.

O governador Dante de Oliveira explicou que a concepção do PIAPS é integrar os programas de caráter preventivo e social, unindo os programas municipais, estaduais e nacionais. “Com isso tem-se muitos ganhos em termos de recursos humanos, não desperdiçando serviços, e maximizando o uso dos recursos financeiros. Temos todos que nos integrar e lançar uma nova esperança de melhoria de vida para as nossas crianças e adolescentes. Nós já desenvolvemos vários projetos nesse sentido, como o Irmão Sol, Irmã Lua. Com o PIAPS esses projetos serão ampliados e fortalecidos, assim como os projetos desenvolvidos nos municípios. Vamos pegar os programas que já têm caráter preventivo e fortalecê-los”.

A programação de lançamento incluiu, além da cerimônia oficial, reuniões de trabalho com a coordenação do PIAPS, gerentes dos programas federais do Avança Brasil e técnicos do Governo do Estado e das prefeituras da região metropolitana. Na oportunidade, será apresentada a metodologia utilizada no plano, bem como serão identificadas as necessidades e formas de implementação das prioridades de cada município.
Ainda ontem foram realizadas reuniões de trabalho com a coordenação do plano, gerentes dos programas federais do Avança Brasil e técnicos do Governo do Estado e das prefeituras dos municípios contemplados. Durante as reuniões foram apresentadas as metodologias utilizadas no plano.

“Agora serão identificadas as necessidades e prioridades de cada município. O objetivo é padronizar os projetos e integrá-los aos programas do Avança Brasil. Temos confiança que a ação preventiva do PIAPS irá melhorar a vida de nossos jovens e garantir um futuro de paz para as novas gerações”, ressalta o prefeito de Jangada e vice-presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios, Hélio Brandão.

VOLTAR

IMPRIMIR

ENVIE ESTA MATÉRIA

Mais sobre este assunto: